Centenas de pessoas são evacuadas no Texas por incêndio em reserva natural

Austin – Um incêndio declarado no parque Inks Lake, na área de Austin (Texas), obrigou a evacuação de mais de 400 pessoas que curtiam o fim de semana nessa reserva natural, informaram nesta segunda-feira as autoridades.

A unidade de bombeiros que trabalha na zona mantém o alerta e segue com os trabalhos de extinção, já que o fogo só está controlado em 35% dos 202 hectares que foram afetados.

Perante esta situação, 150 lares próximos a Insk Lake foram desalojados por precaução e cerca de 800 usuários deixaram voluntariamente uma zona de camping conhecida como “Camp Longhorn”, embora esteja previsto que retornem às casas nas próximas horas, à medida que avancem as tarefas dos serviços florestais.

A região sudoeste dos Estados Unidos sofre há semanas uma intensa onda de calor com temperaturas superiores a 42 graus centígrados, o que aumentou o risco de incêndios nos estados da Califórnia, Arizona e Texas.

No norte da Califórnia, as chamas que arrasam 36 mil hectares desde 23 de junho tiraram a vida de seis pessoas e forçaram a evacuação de cerca de 38 mil.

As autoridades policiais do condado de Shasta asseguraram que o incêndio “Carr” provocou, no sábado, a morte de Melody Bledsoe, de 70 anos, e de dois bisnetos, James Roberts e Emily Roberts, de cinco e quatro anos, respectivamente.

A gravidade das circunstâncias obrigou o presidente dos EUA, Donald Trump, a declarar estado de emergência, o que representa que o Governo Federal poderá prestar assistência adicional.

Mediante esta diretriz, Trump autorizou ao Departamento de Segurança Nacional e à Agência Federal para a Gestão de Emergências (FEMA) a “coordenação de todos os esforços nas tarefas de socorro”, informou a Casa Branca mediante um comunicado.

Fonte:Exame

Facebook Twitter Google+ linkedin email More
Copyright © GUIA WEST - Sistema de Guia Comercial